quinta-feira, 9 de abril de 2015

On 11:43 by Pernambuco Amarelo
G1
Foi criada em Pernambuco uma frente parlamentar que reúne 8 deputados estaduais e que vai ter como foco de trabalho a discussão sobre o trânsito e o transporte no estado.
A frente foi aprovada por unanimidade dos votos dos deputados, mas acabou ficando ofuscada em uma sessão polêmica que marcou a derrota da proposta de criação de uma frente em defesa da cidadania LGBT, projeto do Psolista, Edilson Silva.
Outro assunto que vai entrar na pauta da frente parlamentar é a legislação municipal do Recife que multa e apreende taxistas de outros municípios que embarcam passageiros na capital pernambucana. A fiscalização vem sendo contestada pelos taxistas, que denunciam extorsão e corrupção por parte dos agentes da CTTU.
Será foco da frente também o transporte no interior do estado. A agenda da frente ainda está sendo construída entre os 8 parlamentares que compõe o grupo.
Pelo discurso do deputado Eduino Brito, o transporte público vai ser tratado como questão de saúde.  Na conversa com a CBN, o deputado falou em epidemia de acidentes que causam prejuízos não só para os motoristas e passageiros vitimados, bem como oneram o orçamento público do estado com despesas médica e previdenciária provocadas pelos acidentes.
Para ilustrar o quadro endêmico do transporte em Pernambuco, o parlamentar falou que na última década, só em casos de acidentes com motos, aumentou em 350% o índice de mortalidade. O deputado fez ainda uma comparação para ilustrar a gravidade dos acidentes no Brasil comparando a situação com o acidente do Boeing A320 da companhia Germanwings em que 150 pessoas morreram quando o avião se chocou contra os alpes franceses, mesmo número de mortes todos os dias no brasil vítimas de acidente de trânsito.
A princípio a frente parlamentar de trânsito e transporte da assembleia legislativa tem o prazo regimental de dois anos, podendo ser prorrogado para a próxima legislatura.

O Movimento MAIO AMARELO - PE nasce com uma só proposta: chamar a atenção da sociedade pernambucana para o alto índice de mortes e feridos no trânsito. Participe!